"Leopoldina, Independência e Morte" - Loja Rio no Teatro
Leopoldina, Independência e Morte | Até 63%

Desconto: Até 63% (Desconto exclusivo RIONOTEATRO)
Valores: Clique aqui e selecione a sessão desejada para exibir o valor promocional.
Retirada: Apresente o RG na bilheteria. (Leia as regras abaixo)
Classificação: 12 anos
Gênero: Drama, Histórico
Duração: 80 minutos
Local: Ver mapa e endereço abaixo.
Dúvida: WhatsApp 2120182414
Temporada: De 07/03/2020 à 29/03/2020

1) Selecione uma sessão abaixo para exibir o valor promocional:


* ATENÇÃO! As entradas são SEMPRE retiradas direto na bilheteria apresentando somente o RG cadastrado no site. Não enviamos ingressos para seu endereço. O PagSeguro pede a informação de endereço e é preciso preencher, porem não enviamos os ingressos. Comprovante de pagamento não será aceito. Apresente apenas o RG! Caso seja sua primeira compra conosco leia atentamente as REGRAS DESTA OFERTA. Dúvidas pelo CHAT ou telefone (21) 2018-2414.

Local e Contatos
Teatro Petra Gold
Rua Conde de Bernadotte, 26 - Leblon
Regras e Instruções
CASO SEJA SUA PRIMEIRA COMPRA EM NOSSO SITE, LEIA ATENTAMENTE TODAS AS REGRAS ABAIXO:

1 - REGRAS ESPECÍFICAS DESTA OFERTA (SOBREPÕEM AS REGRAS GERAIS) : 
​     1.1 - Entradas válidas para o setor PLATEIA; 
​     1.2 - A compra dos ingressos online com desconto exclusivo Rio no Teatro será encerrada à 1 hora do início do espetáculo e qualquer pessoa pode adquirir os ingressos com desconto especial;
​     1.3 - ATENÇÃO! Para este espetáculo, os assentos serão marcados na bilheteria do teatro, no momento da retirada dos ingressos, no dia do evento, com o horário máximo de 2 horas antes do início do espetáculo e até o horário de ínicio do mesmo. Não é obrigado retirar com antecedência de 2 horas. Poderão retirar até o início do espetáculo. Sugerimos que retire seus ingressos com 1 hora de antecedência para que não tenha imprevistos na ida ao teatro;
​     1.4 - Comprando aqui no RIONOTEATRO você garante o melhor desconto garantido, não corre o risco de chegar na bilheteria e não ter mais ingressos pois os seus estarão reservados e não precisa imprimir nada, conforme regras abaixo;
     1.5 - Valores encontrados em quaisquer divulgações podem ser alterados a qualquer momento e sem aviso prévio. Portanto, os valores reais atualizados para esta oferta serão sempre os informados aqui na página da oferta e assim sobrepondo outros valores encontrados em quaisquer outros locais;
     
2 - REGRAS GERAIS DO SITE:
​     2.1 - Suas entradas são válidas somente para a data escolhida no ato da compra;
​     2.2 - Para maior segurança de todos utilizamos o PagSeguro. O mesmo irá solicitar CEP e outros dados de confirmação porem lembramos que estes dados são somente para informação do PagSeguro e não os utilizaremos.
​     2.3 - A retirada dos ingressos é feita diretamente na bilheteria do teatro apresentando somente seu RG (documento de identificação com foto) cadastrado no site, até o horário de início do espetáculo. Não é permitida a retirada com antecedência maior que 2 horas do horário da peça e após o início da mesma. Sugerimos que cheguem com 1 hora de antecedência para que não tenham imprevistos. 
​     2.4 - Só será permitida a entrada no espetáculo com a apresentação do documento original com foto cadastrado no site, na presença do cadastrado, e caso desejas transferir seus ingressos para que outra pessoa possa retira-lo, utilize seu PAINEL DO USUÁRIO;
​     2.5 - Caso seu STATUS não esteja como PAGO, seus ingressos não serão liberados na bilheteria do teatro. Mesmo seu banco confirmando a aprovação e debitando de sua conta, e mesmo levando qualquer comprovante de pagamento. É preciso que o PAGSEGURO aprove a compra, e somente após seus STATUS de pagamento constar como PAGO em seus pedidos, é que seus ingressos estarão liberados. Portanto, confira o status de seu PEDIDO no PAINEL DO USUÁRIO, com e-mail e senha cadastrados, antes de se dirigir ao teatro. Dúvidas com sua compra, entre em contato conosco imediatamente pelos contatos do SAC para que possamos auxiliar. 
​     2.6 - PARA MAIOR PRATICIDADE, AGILIDADE E SEGURANÇA, NÃO ENVIAMOS AS ENTRADAS PARA SEU ENDEREÇO. RETIRE DIRETAMENTE NA BILHETERIA DO TEATRO APRESENTANDO SOMENTE SEU RG CADASTRADO NO SITE;
​     2.7 - Não é preciso imprimir qualquer comprovação ou cupom. O RG do comprador estará na bilheteria do teatro, na lista do Rio no Teatro;
​     2.8 - Chegue ao estabelecimento com o mínimo de 10 minutos para o início do espetáculo e máximo de 2 horas, para a retirada de seu(s) ingresso(s) e escolha dos lugares (quando não disponível a marcação via site). Indicamos que chegue com pelo menos 1 hora de antecedência para que não tenha imprevistos pessoais e de trânsito; 
​     2.9 - Após o início do espetáculos seus assentos marcados via site (quando disponível) perdem a validade e o teatro terá o direito de fechar a bilheteria após o início do espetáculo ou disponibilizar entradas ao fundo para que não atrapalhe o andamento do espetáculo; 
​     2.10 - Alguns teatros menores não possuem mapa de assento e portanto não possuem a escolha dos lugares pois todos os lugares possuem boa visualização;
​     2.11 - Indicamos que efetue o pagamento com Cartão de Crédito para aprovação imediata das entradas (Caso não ocorra a liberação em até 15 minutos, entre em contato com a financeira do Cartão de Crédito ou PagSeguro);
​     2.12 - Visando sempre colaborar, inovamos com a liberação de compras por BOLETO BANCÁRIO, porem:
​              2.12.1 - Efetue o pagamento com antecedência de 2 (dois) dias úteis a data do espetáculo, para que o mesmo seja aprovado automáticamente pelo banco antes da data do espetáculo e sua compra seja aprovada automáticamente. 
​              2.12.2 - Não programe o pagamento do boleto para a data de vencimento do mesmo, pague o boleto no mesmo dia que o gerar ou com o máximo de 2 dias de antecedência da peça. Acesse seu PAINEL DO USUÁRIO e acompanhe o andamento de seu boleto.  
​              2.12.3 - Caso chegue ao dia do espetáculo e seu STATUS não conste como PAGO, entre em contato conosco imediatamente pelos contatos do SAC para que possamos liberar as entradas na "confiança".
              2.12.4 - Caso chegue ao dia do espetáculo e seu STATUS não esteja como PAGO, envie uma foto legível do COMPROVANTE DE PAGAMENTO de seu e-mail cadastrado no site, junto com uma foto de seu RG cadastrado no site, ambos para o e-mail sac@rionoteatro.com.br e entre em contato conosco com urgência pelos contatos do SAC para que possamos liberar as entradas na "CONFIANÇA" manualmente;
​              2.12.5 - É preciso entrar em contato conosco pelos contatos do SAC para a liberação das entradas. Não basta enviar o email com o comprovante, sem dermos a liberação; 
              2.12.6 - Levar o comprovante de pagamento direto na bilheteria, não será aceito, pois seu nome não estará na lista de compradores liberadas pelo RIONOTEATRO. Portanto sigam as regras para que não corram o risco de ir até o espetáculo e não consigam retirar seus ingressos;
​              2.12.7 - Visando colaborar com nossos mais de 130 mil seguidores, inovamos em disponibilizar a venda dos ingressos no boleto bancário para pessoas que não possuem cartão de crédito. Sigam as regras e aproveitem! 

     2.13 - Esgotando os ingressos antes da aprovação do PagSeguro, as entradas serão automaticamente transferidas para a proxima data disponível do mesmo valor e o comprador poderá solicitar o estorno em até 3 horas antes da próxima sessão, dentro dos prazos de cancelamento da oferta. Não havendo outra apresentação o valor será estornado. Fora taxas de banco quando cobradas;​

​     2.14 - Caso o STATUS da sua compra esteja como “Aguardando pagamento”, entre em contato conosco pelos contatos do SAC para obter mais informações sobre o seu pagamento. O status de sua compra será alterado em até 15 minutos após a confirmação do meio de pagamento. Portanto aguarde 15 minutos antes de entrar em contato conosco;
​     2.15 - Trocar o utilizador dos ingressos, cancelar a compra ou transferir a data dos ingressos para uma nova data poderão ser feitas até 3 horas do início do espetáculo, direto do PAINEL DO USUÁRIO . Portanto acesse seus PEDIDOS em seu PAINEL DO USUÁRIO com seu e-mail e senha cadastrads e faça você mesmo o cancelamento, a troca de data e/ou a alteração de quem irá retirar os ingressos. Dúvidas pelo CHAT DO SITE ou contatos do SAC;
​     2.16 - O Rio no Teatro realiza o intermédio da compra entre você e o estabelecimento. Ao realizar o processo de compra online e a confirmação da financeira, o ingresso no estabelecimento é imediatamente reservado, sendo impedido de ser vendido para outra pessoa. Portanto, após o prazo de 3 horas de antecedência do início do espetáculo fica impossibilitado o estorno tanto via RioNoTeatro quanto PagSeguro, e caso o comprador desrespeite as regras e tente de forma unilateral solicitar o estorno diretamente via PagSeguro, ficará automaticamente proibido de adquirir novas entradas no portal por prazo indeterminado por não respeitar as regras, que concordou ao adquirir os ingressos. Estaremos sempre à disposição em nossos contatos do SAC visando a satisfação de todos;
     2.17 - A produção/estabelecimento poderá cancelar o espetáculo a qualquer momento sem aviso prévio. Portanto é de responsabilidade do comprador acessar o site para confirmar. Entre em contato conosco para mais informações;
     2.17.1 - Site e produção não se responsabiliza por gastos de deslocamento até o espetáculo em caso de cancelamento com ou sem aviso prédio. Espetáculos envolvem dezenas de pessoas, podendo haver cancelamentos por diversos motivos pessoais e técnicos a qualquer momento. Compradores estão ciente dos riscos;

​     2.18 - Qualquer comprador que utilize a disputa do PagSeguro, seja qual for o motivo, ficará automaticamente bloqueado por tempo indeterminado de adquirir novas entradas com desconto no portal RIONOTEATRO. Estaremos sempre à disposição em nossos contatos do SAC visando a satisfação de todos;
​     2.19 - Qualquer cadastrado que divulgar críticas ou problemas com o site ou compras, em qualquer canal(rede social, reclameaqui, e outros) para o conhecimento de terceiros sem antes tentar contato em nossos canais de atendimento para a resolução do problema, terá seu cadastro bloqueado por tempo indeterminado de adquirir novas entradas com desconto no portal RIONOTEATRO sem prazo de desbloqueio. Estaremos sempre à disposição em nossos contatos do SAC visando a satisfação de todos;

​     2.20 - O Rio no Teatro não envia cupons ou comprovantes por e-mail. Acesse sua conta para acompanhar o 'status' de seus ingressos. Estando como PAGO basta retirar seus ingressos na bilheteria. Estando diferente de PAGO entre em contato conosco pelos contatos do SAC;
​     2.21 - O estabelecimento não emite troco ou crédito;
​     2.22 - Todas as ofertas e descontos aqui disponíveis não são cumulativos com outras promoções e/ou descontos de meia entrada. Lembrando que aqui no RIONOTEATRO você SEMPRE adquiri seus ingressos pagando menos do que as pessoas que pagam a meia entradas pois nossos descontos são sempre melhores que os 50% da meia entrada;
​     2.23 - A não apresentação do documento original com foto cadastrado na loja, conforme as regras da oferta, implicará na perda das entradas;
​     2.24 - O não comparecimento por qualquer que seja o motivo, implicará na perda das entradas pois a produção deixará reservados os ingressos para que tenham seus ingressos garantidos, havendo ou não esgotamento da sessão;
​     2.25 - O Rio no Teatro não cobra qualquer taxa de serviço. Salvo em casos específicos em que conste no momento do pagamento no pagSeguro por parte do banco e outros;
​     2.26 - Em caso de estorno:
​               2.26.1 - Para o cartão de crédito, o PagSeguro o fará na próxima fatura do cliente, caso já tenha sido cobrada a compra;
​               2.26.2 - Para o boleto, será estornado o valor para a sua conta do PagSeguro. Caso não tenha conta no PagSeguro será necessário a criação da conta para receber o estorno. O valor da taxa do boleto cobrada pelos bancos não será estornado, somente o valor do ingresso.
​     2.27 - Em caso de quaisquer problemas com a retirada de ingressos, é obrigatório que o comprador entre em contato conosco até o início do espetáculo para que possamos solucionar qualquer problema de imediato. Entrar em contato conosco após o início do espetáculo e principalmente nos dias seguintes ao espetáculo não terão como ser solucionados. Entre em contato conosco pelo telefone 2120182414, WhatsApp 2120182414 e pelo chat disponível em nossa loja que solucionaremos de imediato qualquer problema.

Procon-RJ (link obrigatório pela Lei estadual nº 6.718/14)

O portal que mais promove a acessibilidade e inclusão social, facilita sempre mais sua ida ao teatro, oferecendo a nossos seguidores o melhor desconto garantido, sem correr o risco de perder a viagem à um espetáculo esgotado, e agora com a opção de pagamento com boleto bancário!

Pensou em Teatro? Acessou Rio no Teatro, o espetáculo começa aqui !

Siga nossas nossas rede sociais e receba os melhores descontos!

Facebook | Instagram | Twiiter | Google+

   SAC  |  Horário de atendimento: 2ª e 3ª de 09h às 19h, 4ª a sábado de 09h às 21h30 e domingo de 13h às 20h
- Telefone/Voz (21) 2018-2414
WhatsApp/Texto (21) 2018-2414
- E-mail sac@rionoteatro.com.br
* Caso não seja atendido de imediato, retornaremos a todas as ligações, mensagens e e-mails. Adicione nosso telefone a sua agenda para que possa nos identificar.
SINOPSE
A peça retrata uma imperatriz Leopoldina ainda desconhecida por parte dos brasileiros: culta e preparada, foi além do papel que lhe cabia em seu tempo histórico. Primeira mulher a se tornar chefe de Estado do Brasil, teve importância decisiva no processo de independência – foi ela que reuniu os ministros, em 02 de setembro de 1822, e decidiu pela separação de Portugal, ratificada por D. Pedro I no famoso e oficial 07 de setembro.

Após temporadas de sucesso no CCBB de São Paulo em 2018 e 2019 e em Belo Horizonte em 2019, “Leopoldina, Independência e Morte” chegou ao Rio no início de 2020 em sessões lotadas desde a estreia no Centro Cultural Banco do Brasil. Ao todo, mais de 13 mil pessoas já assistiram ao espetáculo escrito e dirigido por Marcos Damigo. A atriz Sara Antunes (recentemente no ar como a evangélica Márcia na série “Segunda Chamada”, TV Globo) interpreta Leopoldina, dividindo o palco com Plínio Soares no papel de Bonifácio - acompanhados ao vivo pela musicista Ana Eliza Colomar na flauta transversal e no violoncelo. 
 
Esposa, mãe e também estadista: estes foram os papéis vividos por Leopoldina, casada com Dom Pedro I, numa época em que o lugar da mulher era restrito a funções privadas. Mas sua importância decisiva no processo de independência do país é desconhecida pela maioria dos brasileiros. 
 

A peça recria três momentos da vida da arquiduquesa austríaca que virou imperatriz do Brasil no século XIX, entre 1817 e 1826: recém-chegada da Áustria, ela relata a uma interlocutora estrangeira suas primeiras impressões sobre o Brasil; Leopoldina, agora imperatriz, e José Bonifácio, seu principal aliado, analisam o complexo processo de independência após um acerto de contas; e, por fim, num delírio que consumiu seus últimos dias, ela relaciona sua vida, sua época e os projetos em disputa naquele momento com os dias de hoje. 

 

A ORIGEM DA PEÇA

 

O ensaio publicado pela escritora e psicanalista Maria Rita Kehl no livro ‘Cartas de uma Imperatriz’ (Estação Liberdade) foi o estopim para encontrar o recorte de uma história tão rica e interessante, enfatizando a transformação da princesa europeia em estadista consciente de seu tempo histórico. Queremos também mostrar para o público de hoje o projeto de um país que, infelizmente, fracassou com a sua morte e o exílio de Bonifácio. Falar deste sonho de quando o Brasil se tornava uma nação independente é importante para nós, principalmente neste momento em que parecemos ter que negociar pressupostos muito básicos dos entendimentos sobre a vida em sociedade”, conta o autor e diretor Marcos Damigo.

 

Esta montagem é um sonho acalentado por Damigo há vinte anos. Suas inspirações para jogar luz sobre o legado da primeira mulher a se tornar chefe de Estado do Brasil (em duas situações ela governou o Brasil como regente interina: setembro de 1822, quando a independência foi proclamada, e no final de 1826, já em seu leito de morte), surgiram de um mergulho profundo na história de Leopoldina publicada em biografias, artigos e cartas – trechos das correspondências estão no texto no espetáculo. Falas de Bonifácio também foram extraídas de escritos do primeiro brasileiro a ocupar o cargo de Ministro de Estado. O historiador Paulo Rezzutti, autor do livro “D. Leopoldina, a história não contada“, prestou consultoria histórica para a peça.

 

Sobre a imperatriz Leopoldina

Descendente da família Habsburgo, a mais poderosa do início do século XIX, Carolina Josefa Leopoldina Francisca Fernanda de Habsburgo-Lorena nasceu em Viena, capital da Áustria, em 22 de janeiro de 1797. Era filha do imperador Francisco I da Áustria e de Maria Teresa da Sicília. Foi a primeira imperatriz brasileira e ficou conhecida popularmente como D. Maria Leopoldina. Deixou sua terra natal rumo ao Brasil para casar-se com Dom Pedro I, em um matrimônio arranjado típico daquela época.

Leopoldina chegou ao Brasil com 19 anos, morreu aos 29 e engravidou nove vezes. Articuladora e estrategista, foi responsável por ações cruciais para a política da época, mas seu grande feito como estadista não foi reconhecido até os dias atuais: enquanto regente interina durante viagem de Dom Pedro a São Paulo, ela reúne os ministros e decide pela independência do Brasil no dia 02 de setembro de 1822. Na peça, ela clama pela autoria do momento histórico e questiona a escolha do dia 07 de setembro para sua celebração.

Gostava de teatro e literatura e falava vários idiomas, além de ser botânica e mineralogista. Segundo Maria Rita Kehl, "D. Pedro continuava dependendo de Leopoldina; ela o orientava politicamente, comunicava-se com representantes de países estrangeiros com mais desenvoltura, falava mais línguas e era mais culta do que ele. Mas Pedro vingava-se da superioridade da esposa desmoralizando-a como mulher". Conforme a paixão de Dom Pedro por Domitila de Castro se tornava pública e a Marquesa de Santos ficava cada vez mais poderosa, Leopoldina e o projeto político que representava foram perdendo força. Morreu após um aborto, deixando cinco filhos, entre eles o sucessor do trono, Dom Pedro II.

FICHA TÉCNICA
texto, direção e idealização: Marcos Damigo
codireção: Lucas Brandão
elenco: Sara Antunes e Plínio Soares
música ao vivo: flauta e cello por Ana Eliza Colomar
colaboração artística: Fabiana Gugli, Tarina Quelho e Joca Andreazza 
cenário: Renato Bolelli Rebouças
assistente de cenografia: Amanda Vieira
figurino: Cássio Brasil
assistente de figurinos: Daniela Tocci
trilha sonora: Ana Eliza Colomar e Nivaldo Godoy Junior
desenho de luz: Aline Santini
assistente de direção: Laura Salerno
consultor histórico: Paulo Rezzutti
artes visuais: Priscila Lopes
design gráfico: Ramon Ribeiro
foto divulgação: Maíra Barillo
video: João F Maciel
comunicação: Agência Fervo - Priscila Cotta 
produção local RJ: Reprodutora
produção executiva RJ: Gabriel Bortolini
coordenador de produção RJ: Luiz Schiavinato Valente
operação de luz e projeção RJ: Lara Cunha
contrarregra e camareira RJ: Sonia Oliveira
direção de produção: Fernanda Moura
assistente de produção: Fernanda Ramos
assessoria administrativa e jurídica: Mariana de Castro 
assistente contábil: Anna Laura 
contabilidade: Andrade & Associados
assistente contábil: Anna Laura Soeira
produção e administração: Palimpsesto Produções Artísticas - Fernanda Moura
patrocínio: Banco do Brasil
realização: Centro Cultural do Banco do Brasil 
assessoria de imprensa RJ: JSPontes Comunicação - João Pontes e Stella Stephany

Marcos Damigo (diretor/autor/idealizador)
 
Ator, diretor e autor teatral formado pela Escola de Arte Dramática (ECA/USP), possui grande interesse pela história do Brasil como fonte de criação artística: ganhou o Prêmio Nascente da USP por seu primeiro texto teatral, "Cabra", sobre a Guerra de Canudos; adaptou clássicos como "O Retrato de Dorian Gray" (Oscar Wilde), realizado pelo Teatro Popular do SESI SP, onde também foi protagonista, e "O Barão nas Árvores" (Ítalo Calvino), para a Cia. Circo Mínimo; e coordenou a dramaturgia do projeto "O Que Morreu Mas Não Deitou?", indicado ao Prêmio Shell na categoria especial. Como diretor, realizou "Os Visitantes" (Priscila Gontijo) e "Perfeitos, Perversos e Educados" (Howard Brenton), que também traduziu para o português. Na televisão, estreou no SBT como protagonista da novela "Fascinação" (Walcyr Carrasco). Na Rede Globo, atuou em "Joia Rara" (Thelma Guedes e Duca Rachid), ganhadora do prêmio Emmy Internacional de melhor novela, e "Insensato Coração" (Gilberto Braga e Ricardo Linhares). Recentemente, atuou nos elogiados monólogos baseados nas obras de Machado de Assis "As Sombras de Dom Casmurro", sob direção de Débora Dubois, e "Memórias Póstumas de Brás Cubas", direção de Regina Galdino, que lhe rendeu indicação ao Prêmio APCA de Melhor Ator 2017.
 
Sara Antunes (atriz)
 
Recentemente no ar como a evangélica Márcia na série “Segunda Chamada”, TV Globo, e em 2020 estará na série “Todas as Mulheres do Mundo”, de Jorge Furtado, também na TV Globo, uma homenagem a Domingos Oliveira, falecido em 2019.  
 
Atriz formada pela Escola de Arte Dramática (ECA/USP) e bacharel em Filosofia pela USP, foi uma das fundadoras do Grupo Tablado de Arruar e do Grupo XIX de Teatro, ambos de São Paulo, tendo realizado turnês pelo Brasil, Portugal, França, Inglaterra e Cabo Verde. Atuou em português, francês e inglês. Como atriz e dramaturga, atuou nos espetáculos premiados "Hysteria", "Hygiene" e "Arrufos", com o Grupo XIX de Teatro. Criou e atuou nos solos de sua própria autoria "Negrinha" e "Sonhos Para Vestir", dirigidos por Vera Holtz. Foi Diretora-Assistente do espetáculo "Sentimento do Mundo" (Domingos de Oliveira). Também atuou nas peças: "Guerrilheiras ou Para a Terra não há Desaparecidos" (Grace Passô), sob direção de Georgette Fadel; "As Meninas" (Maitê Proença e Luiz Carlos Goés), direção de Amir Haddad; e “Vestido de Noiva", direção de Caco Coelho. Entre os principais prêmios que recebeu, estão: APCA, Qualidade Brasil, Nascente, além de ter sido indicada ao Prêmio Shell, juntamente com o Grupo XIX de Teatro, como melhor atriz no Prêmio Questão de Crítica, e como melhor atriz coadjuvante no Festival de Gramado. Na televisão, participou do seriado "A Grande Família", das novelas "Em Família", "A Vida dos Outros" e da série "Nada Será Como Antes", todas pela Rede Globo.
 
Plínio Soares (ator)
 
Graduado pela Escola de Arte Dramática (ECA/USP). No teatro atuou em diversos espetáculos, incluindo “Noés”, de Rafael Neumayr, direção de Carlos Gradim; “Sonata De Outono”, de Ingmar Bergman, direção de Aimar Labaki; “Maria Miss”, adaptação de conto de Guimarães Rosa por Ewill Rebouças, direção de Yara de Novaes; “A Mulher que Ri”, de Paulo Santoro, direção de Yara de Novaes; “Hamlet”, de William Shakespeare, direção Francisco Medeiros; “O Que Morreu Mas Não Deitou" e "Terra Sem Lei”, coordenação de Francisco Medeiros; “Ricardo III”, de William Shakespeare, direção de Roberto Lage; “Prova Contrária”, de Fernando Bonassi, direção de Débora Dubois; “Bonita Lampião”, de Renata Melo, direção de Renata Melo (indicado Prêmio Shell como Melhor Ator); “O Santeiro Do Mangue”, de Oswald de Andrade, direção de José Celso Martinez Corrêa; “Esperando Godot”, de Samuel Beckett, direção de Francesco Zigrino; entre outras. No cinema, atou em “O Coletor”, de Marcos Alquéres; “Therese”, de Fabiana Serpa; “Xingu”, de Cao Hambúrguer; “Ensaio Sobre A Cegueira”, de Fernando Meirelles, “Bruna Surfistinha”, de Marcos Baldini; “Domésticas”, o filme, de Nando Oliva e Fernando Meirelles. Na televisão integrou o elenco de “Malhação-Conectados”; “Mad Maria”; “A Cor do Pecado”, “Esperança”, “Coração de Estudante” (Rede Globo); “Telecurso 2000” (Fundação Roberto Marinho); “Homeless”; “Castelo Ra-Tim-Bum”; “Mundo da Lua” (TV Cultura); “Milagres de Jesus” – “A Mulher Encurvada”; “Cidadão Brasileiro” ( Rede Record).
 
Ana Eliza Colomar (musicista)
 
Bacharel em Letras pela USP, completou seus estudos na Escola Municipal de Música de São Paulo. Atua profissionalmente tanto em música erudita, como em música popular, executando violoncelo, flauta e sax. Integrou a Orquestra Experimental de Repertório e a Orquestra Sinfônica de Santo André. Tem ampla experiência em espetáculos teatrais: Integrou o Grupo do Ornitorrinco, o Grupo XPTO, o elenco de “O Retrato de Dorian Gray” no SESI São Paulo, como instrumentista e arranjadora. Autora e intérprete solo da trilha de “Leopoldina, Independência e Morte”. Integrou elenco de “Noite Filme Noir Cabaret - Trixmix.” Foi flautista e saxofonista dos musicais “Les Misérables” e “A Bela e Fera”. Acompanhou e gravou com Edson Cordeiro, com participação de Ney Matogrosso, Laura Pausini, Fortuna, Gereba, Rita Ribeiro, Loop B, Socorro Lira, Fioti, Stela Campos, Quinteto Aralume, Grupo Bojo, Thiago Pethit, Tiê, entre outros. Desenvolve também projeto de união da linguagem acústica com música eletrônica junto ao Grupo Pedra Branca. Integrou o quarteto de jazz da pianista Christianne Neves com a qual foi solista no Festival de Jazz de Sorocaba, em 2013. Integra, há 20 anos, o grupo de música étnica Mawaca, com o qual participou de inúmeros festivais e shows pelo mundo, e o grupo de samba e choro Dedo de Moça, vencedor do fomento música 2019. Foi parecerista no edital PROAC música Instrumental em 2014 e 2015
 
DÚVIDAS ?

Chat da página

Telefone: (21) 2018-2414

WhatsApp 2120182414

E-mail: SAC